Início


Produção Integrada de Cebola PDF Imprimir E-mail
Ter, 15 de Março de 2016 11:01

O trabalho agora faz parte da plataforma digital de boas práticas da organização. “A divulgação pelo site da FAO é uma grande conquista, uma vez que dá ampla visibilidade nacional e internacional ao trabalho da Epagri”, destaca o pesquisador Francisco Gervini de Menezes Júnior, da Epagri/Estação Experimental de Ituporanga.

 

O Sistema de Produção Integrada de Cebola (Sispic) envolve uma série de técnicas que buscam garantir alimentos seguros para o consumidor. Um dos pilares desse sistema é a rastreabilidade: o produtor, o técnico e o fiscal adotam procedimentos que permitem acompanhar todo o processo produtivo, de forma a certificar a qualidade do que será colhido. Para isso, todas as práticas adotadas na lavoura são registradas em cadernos de campo.

onions_clipped_rev_5

O sistema permite reduzir o uso de insumos como fertilizantes e agrotóxicos e diminuir os custos de produção. Em várias propriedades acompanhadas, a produtividade foi cerca de 8t/ha superior à dos cultivos tradicionais. “Não foram encontrados resíduos significativos de agrotóxicos nos bulbos de cebola coletados nas lavouras de produção integrada”, diz Francisco. O Sispic prevê, também, a adoção de práticas de conservação do solo.

 

Última atualização em Ter, 15 de Março de 2016 11:04
Leia mais...
 
« InícioAnterior123PróximoFim »

Página 1 de 3.
CeresQualidade.com.br | Powered by Joomla!