Produtores podem obter selo de qualidade para o caqui Imprimir
Qui, 02 de Junho de 2011 16:19

Produto é um dos 19 itens relacionados no sistema de Produção Integrada Agropecuária

O caqui é um dos 19 itens normatizados pela Produção Integrada Agropecuária (PI Brasil), um sistema do Ministério da Agricultura que confere qualidade ao produto, seguindo requisitos de sustentabilidade ambiental, segurança alimentar e rastreabilidade das etapas de produção.

A região de Mogi, que engloba cinco outros municípios, produz 50 mil toneladas de caqui por ano, o que corresponde a 25% da produção nacional e 50% da estadual, segundo a Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (Cati) de Mogi.

A PI Brasil foi instituída pelo ministério em agosto de 2010. Até então, existiam apenas normas para frutas. A adesão dos agricultores ao programa é voluntária, mas quem aderir precisa cumprir uma série de exigências até obter a certificação.O engenheiro-agrônomo e assistente de Planejamento da Cati, a Casa da Agricultura em Mogi, Renato Alves Pereira, revela que já houve uma iniciativa de se implantar um modelo de Produção Integrada do caqui em nível estadual. Ela foi desenvolvida pela Cati e divulgada aos produtores entre 2002 e 2004 para explicar as normas técnicas exigidas no programa. Segundo ele, muitos conceitos foram absorvidos pelos produtores naquele período, como a utilização correta de defensivos nos caquizeiros.

O engenheiro-agrônomo alerta que, para cumprir todas as normativas da Produção Integrada e obter a certificação, são necessários investimentos em várias etapas da produção. "Já houve avanços, mas ainda falta uma maior conscientização dos agricultores e apoio do poder público para se implantar este sistema", observa. Pereira reconhece as vantagens que a PI traz para o produtor, como a agregação de valor à fruta, padronização da qualidade da fruta, produtos mais seguros ao consumidor, melhoria da eficiência do manejo dos recursos naturais, além de ser uma ferramenta para uma participação mais competitiva no mercado.

Como aderir

O produtor interessado pode procurar cooperativas ou associações do segmento ao qual pertence, órgãos governamentais responsáveis, como a Coordenação Geral de Sistemas de Produção Integrada do Ministério, Superintendências Federais de Agricultura, Embrapa, universidades e empresas estaduais de pesquisa e extensão rural.

Informações: www.agricultura.gov.br/desenvolvimento-sustentavel/producao-integrada ou no 0800 704 1995

SITE: http://www.moginews.com.br/materias/?ided=1186&idedito=81&idmat=91635

Última atualização em Seg, 27 de Maio de 2013 16:13
 


Another articles:

Powered By relatedArticle